Efetuar login

Visão geral

Novo mecanismo de pesquisa...

Meus mecanismos de pesquisa

Preferências de e-mail

Recursos

Mecanismos de pesquisa personalizados vinculados

Em um Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado, a especificação do mecanismo de pesquisa é hospedada no seu site. Em um Mecanismo de pesquisa personalizado armazenado no Google, a especificação é armazenada no Google.

Com um Mecanismo de pesquisa personalizado armazenado pelo Google tradicional, você cria o Mecanismo de pesquisa personalizado fazendo login e usando o assistente ou escrevendo um arquivo XML e enviando para o Google (usando a guia Configurações avançadas). O código da caixa de pesquisa que você usa se refere a esta especificação armazenada no Google usando o parâmetro "cx". Para alterar qualquer aspecto do Mecanismo de pesquisa personalizado, você precisa usar o Painel de controle ou enviar a nova especificação XML. Isso impões várias limitações:

  • A criação e a manutenção de um Mecanismo de pesquisa personalizado é um processo manual.
  • É difícil criar um número muito grande de Mecanismos de pesquisa personalizados, digamos um para cada usuário ou um ligeiramente diferente para cada página.
  • É difícil usar outras origens de dados como iCal, RSS, Google Base, etc. para criar Mecanismos de pesquisa personalizados de maneira programada.

Os Mecanismos de pesquisa personalizados vinculados superam essas limitações dos Mecanismos de pesquisa personalizados armazenados pelo Google. Com os Mecanismos de pesquisa personalizados vinculados, você hospeda a especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado no seu site e inclui o URL dessa especificação na solicitação de pesquisa do Mecanismo de pesquisa personalizado. Quando o usuário faz uma pesquisa no Mecanismo de pesquisa personalizado, o Google recupera a especificação no seu site. Isso traz vários benefícios muito importantes:

  • Você pode converter facilmente seus dados em um Mecanismo de pesquisa personalizado.
  • Você pode gerar automaticamente qualquer número de Mecanismos de pesquisa personalizados, cada um voltado possivelmente para um usuário específico, uma página específica, hora do dia, etc. Na realidade, é possível gerar Mecanismos de pesquisa personalizados sob demanda, em resposta à consulta dos usuários ou à uma página do seu site procurada pelo usuário. Fornecemos várias ferramentas interessantes que podem ser usadas, como a criação de um Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado aos links de uma página.
  • Você pode atualizar facilmente as definições do seu Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado sem enviar dados ao Google.
  • Não há nenhum limite global de anotação por usuário.

Agora você pode explorar todo o poder de suas ideias para gerar Mecanismos de pesquisa personalizados dinamicamente. As ferramentas fornecidas por nós e por terceiros facilitam a sincronização do seu Mecanismo de pesquisa personalizado com seu próprio site e os sites de outros. Os feeds iCal, logs de referência e marcadores ou histórico de navegação dos usuários, são interessantes origens de dados que podem ser usados para criar Mecanismos de pesquisa personalizados. Você pode inclusive alterar a aparência do seu mecanismo de pesquisa personalizado em resposta à integridade ou ao tráfego do seu site. Seja criativo, as possibilidades são infinitas!

A especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado pode fazer referência a um ou mais arquivos de anotação externa. Isso facilita o compartilhamento de anotações entre Mecanismos de pesquisa personalizados.

Entretanto, observe que alguns dos recursos dos Mecanismos de pesquisa personalizados armazenados pelo Google, como a colaboração e o Google Marker, não funcionarão com Mecanismos de pesquisa personalizados vinculados. Se você já tiver anotações armazenadas com o Google, poderá fazer o download delas e incluí-las no seu Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado. Para obter mais informações, leia Como alternar do Mecanismo de pesquisa personalizado armazenado pelo Google para o Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado. Observe também que Mecanismos de pesquisa personalizados vinculados são sempre gratuitos e suportados pelos anúncios; o mecanismo de Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado não pode ser usado para hospedar especificações do Mecanismo de pesquisa personalizado para o Google Site Search.

Exemplo de um Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado

Veja, a seguir, um exemplo muito simples do uso de um Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado, cuja especificação pode ser encontrada em http://www.guha.com/cref_cse.xml. A especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado contém os sites que devem ser pesquisados, a aparência dos resultados etc. Este é o código da caixa de pesquisa que usa essa especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado. Observe o parâmetro chamado "cref".

Parâmetros de formulário importantes:

  • cref: o URL da especificação do seu Mecanismo de pesquisa personalizado
  • q: a caixa de consulta

Experimente este mecanismo de pesquisa aqui!

Observe que essa caixa de pesquisa poderia estar no mesmo site do arquivo de especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado, em várias páginas desse site ou mesmo em um site diferente.

Na primeira vez em que um usuário fizer uma consulta de pesquisa, nós buscaremos a especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado e a usaremos para processar a consulta. Além disso, nós também armazenamos a sua especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado em cache e a atualizamos periodicamente, de modo que você não precisa se preocupar em fornecer as solicitações de especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado do Google toda vez que o seu usuário fizer uma consulta. Se você alterar a especificação do seu Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado e precisar atualizá-la imediatamente, basta ir até a nossa página de atualização do Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado e inserir o seu URL da sua especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado.

Exemplo de um Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado com resultados hospedados no seu site

Assim como em um Mecanismo de pesquisa personalizado padrão, você também pode usar um Mecanismo de pesquisa personalizado vinculado para hospedar resultados no seu site. Para fazer isso, são necessários dois snippets do código, um para a caixa de pesquisa e o outro para os resultados de pesquisa. O código da caixa de pesquisa é similar ao exemplo acima, com algumas mudanças:

Parâmetros de formulário importantes:

  • campo de ação: O URL no qual deseja hospedar os resultados (nesse exemplo, usamos http://www.guha.com/results.html)
  • cref: o URL da especificação do seu Mecanismo de pesquisa personalizado
  • cof: FORID:9, FORID:10 ou FORID:11. Isso especifica qual formato de anúncio você deseja exibir. Consulte a especificação do Mecanismo de pesquisa personalizado para obter mais informações.
  • q: a caixa de consulta

No URL apontado pelo campo de ação acima, é necessário colocar esse código onde deseja exibir os resultados de pesquisa:

Anotações nos Mecanismos de pesquisa personalizados vinculados

Para que os Mecanismos de pesquisa personalizados vinculados funcionem, é necessário especificar as anotações como mostra o exemplo acima. Há duas maneiras de especificar anotações:

  • Anotações externas: você especifica o local dos arquivos de anotação usando as tags <Include>. Mais informações sobre arquivos de anotação externa. O exemplo que vimos na seção anterior usa dois arquivos de anotação externa: um arquivo armazenado em um servidor e o outro é a saída de um script.

  • Anotações inline: você coloca as anotações junto com a especificação do seu Mecanismo de pesquisa personalizado no mesmo arquivo. Mais informações sobre anotações inline. O exemplo acima tem duas anotações inline: http://www.solarenergy.org/* e http://www.solarfacts.net/*.

Cada arquivos deve ter no máximo 3 MB. Se você tiver mais anotações, divida-as em vários arquivos e use as tags <Include> para especificar esses arquivos. São permitidos até 50 arquivos, mas o tamanho total de todos os arquivos incluídos deve ser menor do que 10 MB. Desse modo, esperamos que seja possível incluir aproximadamente 25.000 anotações por Mecanismo de pesquisa personalizado. Se precisar de mais anotações, vá aos metadados: crie vários Mecanismos de pesquisa personalizados, obtenha os resultados e coloque-os juntos para os usuários. Essa interface de programação permite que você faça quase tudo!