Preserve informações pessoais

Nem toda mensagem deve ser gritada aos quatro ventos. É importante pensar antes de compartilhar, já que um conteúdo público pode ser copiado, compartilhado novamente e espalhado pela Web por qualquer pessoa que o encontrar. Converse com sua família sobre a proteção de informações pessoais on-line e ajude-os a compartilhar o que eles desejam compartilhar e a proteger o que eles desejam proteger. Alguns serviços, como o Google+, contam com configurações de compartilhamento mais rigorosas para usuários adolescentes do que para adultos, mas muitos serviços podem ser personalizados para atender às necessidades de cada membro da família. Converse com sua família sobre os tipos de informação que podem ser compartilhados publicamente, o que é melhor compartilhar com apenas alguns amigos íntimos e o que deve permanecer confidencial.

Orientações de nossos parceiros

Safernet Brasil

Com o advento da Internet, passamos a ter mais oportunidade de compartilhar com os outros o que vivemos, crianças e adolescentes ficam conectadas diariamente, registrando, publicando e compartilhando fotos, informações e opiniões com seus pares. Por isso, este novo espaço público também deve ser acompanhado e mediado por pais e educadores, no sentido de criar oportunidades para que crianças e adolescentes aprendam a se proteger, evitando exposição exagerada de dados pessoais na rede. Muito mais importante do que proibir ou punir, é ensinar que também na Internet é preciso exercer cidadania e desenvolver responsabilidades. As crianças podem até aprender a usar os dispositivos tecnológicos sozinhas, mas cidadania, ética e maturidade dependem do diálogo entre as gerações.

Algumas dicas para refletir sobre privacidade on-line:

  • Saiba que praticamente tudo o que publicamos na rede fica gravado e que somos responsáveis por todas as nossas ações também nos ambientes digitais. Lembre da regra de ouro: se não quiser que as pessoas saibam coisas que possam prejudicar você, não as pratique, nem publique na Internet!
  • Evite expor informações como endereço, telefone, nome da escola onde estuda. Quanto mais cautela tiver antes de publicar, mais segura sua família estará;
  • Evite registrar ou publicar fotos íntimas que possam causar algum tipo de constrangimento. Uma vez na rede, é muito difícil controlar e deletar essas imagens;
  • Pense bem antes de adicionar pessoas desconhecidas em suas rede sociais;
  • Crie senha para seus aparelhos e jamais compartilhe as senhas pessoais. Sua senha é a chave para sua vida privada;
  • Evite deixar público o check-in (registro no mapa geo-referenciado) de lugares que frequenta;
  • Conheça e aproveite as opções das configurações de privacidade dos serviços que usa na Internet. Para suas contas da Google, administre suas configurações e históricos pelo Dashboard (http://www.google.com/dashboard)

Alguma informação privada vazou ou foi roubada na rede e não sabe o que fazer? Consulte a equipe da SaferNet Brasil para receber mais orientações sobre como manter sua privacidade online: http://www.canaldeajuda.org.br

Childhood Brasil

  1. Estabeleça regras razoáveis e limite o tempo de utilização da internet por seu filho.
  2. Procure saber que sites seu filho frequenta
  3. Oriente a não divulgar dados pessoais, como nome, endereço, telefone, fotografias, escola, rotina e e-mail. Verifique também se os sites ou redes sociais - utilizados por seu filho ou pela família - possuem mecanismos de segurança e utilize-os
  4. Não use fotos em alta resolução na construção de perfis em redes sociais: elas podem ser usadas em montagens

Ferramentas de segurança

Conheça as ferramentas de segurança desenvolvidas pelo Google para ajudar sua família a monitorar sua reputação on-line.

YouTube

Gerencie comentários no YouTube

Se alguém tem feito comentários desagradáveis em seus vídeos ou em seu canal, é possível bloquear essa pessoa no YouTube. Isso significa que ela não poderá comentar seu conteúdo nem enviar mensagens privadas.

Saiba mais

Para bloquear uma pessoa no YouTube, visite sua respectiva página do canal, que deve ter um URL semelhante a www.youtube.com/user/NOME.

Na guia "Sobre", clique no ícone da bandeira.

Por fim, clique para bloquear o usuário.

YouTube

Compartilhe vídeos somente com o público certo

Se você deseja manter um vídeo privado, compartilhá-lo com alguns amigos ou mostrá-lo ao mundo todo, há uma configuração de privacidade adequada para você. No YouTube, um vídeo é definido como "Público" por padrão, mas é possível alterar essa opção em "Configurações de privacidade" durante o upload do vídeo. Se você mudar de ideia mais tarde, pode alterar a privacidade de um vídeo já enviado.

Saiba mais

Para alterar as configurações de privacidade, visite o Gerenciador de vídeos.

Encontre o vídeo que deseja alterar e clique no botão "Editar".

Vá para o menu suspenso "Configurações de privacidade".

Escolha "Público" para compartilhar com todos, "Não listado" para compartilhar com os usuários que têm um link para o vídeo ou "Privado" para compartilhar com usuários específicos.

Clique em "Salvar alterações".

Google+

Bloqueie a exibição de tags ou comentários indesejados

Se você prefere não ver as postagens de uma pessoa no Google+, é possível bloqueá-la indo a seu perfil e selecionando "Denunciar/Bloquear [nome da pessoa]". Também é possível ignorar postagens específicas para não vê-las em seu stream.

Saiba mais

Para bloquear alguém no computador, vá para seu respectivo perfil.

Ao lado do perfil, clique em "Denunciar/Bloquear [nome da pessoa]".

Confirme se você deseja bloquear esta pessoa.

Google+

Visualizar atualizações de pessoas específicas no seu stream

E se alguém adicionar você aos círculos dele, mas você não tiver interesse em interagir com ele? Caso você não queira bloquear essa pessoa, é possível ignorá-la. Se você ignorar um usuário, não receberá mais notificações dele ou da página dele.

Saiba mais

Abra o Google+.

Acesse o perfil/página do contato.

Clique na seta abaixo da foto e das informações de perfil.

Selecione "Ignorar [pessoa/página]".

YouTube

Modere os comentários sobre seus vídeos

É fácil moderar os comentários em seu canal do YouTube. Você pode excluir comentários ou mantê-lo com certas palavras-chave ou de determinadas pessoas para analisar antes da publicação.

Saiba mais

Para fazer a moderação, clique na seta no canto superior direito de um comentário para ver as opções.

Clique em "Remover" para retirar o comentário do YouTube.

Ou clique em "Banir do canal" para impedir o usuário de postar comentários nos vídeos e no canal.

Em Configurações de Comentário, é possível exigir que todos os novos comentários sejam aprovados antes da publicação. Também é possível desativar os comentários.

As Configurações de Comentário possibilitam filtrar quem comenta em seu canal. Também é possível bloquear comentários com determinadas palavras.

Veja mais ferramentas de segurança